Uma cerimônia (nada) tradicional, cheia de estilo e (muito) amor!

20479594_770948426411222_8958763408322692720_n

 

Ler ouvindo Something do grupo The Beatles (uma das músicas que marcou o relacionamento do casal <3)

Lu e Cris são um casal e tanto. Dessa forma, o grande dia deles não poderia ter sido diferente. Regado a muita animação e estilo os noivos trocaram o ‘sim’ em uma cerimonia lindíssima e digna de fotos incríveis. Um dia, sem dúvidas, inesquecível.


Como se conheceram.

“Nos conhecemos em uma das festas da faculdade de Arquitetura. Vi um post no Facebook, achei o nome bem convidativo (“Lady Gaga é o caralho” hehehe – prometeram e cumpriram uma festa bem rock n’ roll) e convidei uma das minhas melhores amigas para ir. Chegando na festa, o Cristiano estava recebendo os ingressos na porta e curti ele de cara! Muuuito gato e o melhor: minha amiga conhecia ele! Na hora fiquei com medo de ser algum caso dela né… ainda bem que não (risos). Essa amiga nos apresentou  e de cara foi uma conexão incrível. Depois desse date não paramos mais de encontrar. Em setembro vai fazer 7 anos que estamos juntos.”

 

Momento mais marcante antes do grande dia

Para a Lu: “Um dos momentos que mais me marcou foi dar a notícia do noivado para os meus avós maternos. Sempre foi o sonho deles “casar” a última neta. Foi lindo! Eles amam muito o Cris também, então a comemoração foi grande.”

Para o Cris: “o pedido da mão da noiva para os pais dela também foi muito legal. Eles foram pegos de surpresa, mas já desconfiaram pelo fato do convite inusitado. Eles acharam muito respeitoso e ao mesmo tempo foi um momento divertido.”

 

O pedido

“Durante uma viagem para Jericoacoara. Eu estraguei o pedido umas 3 vezes… Ele queria fazer uma coisa romântica e eu estragava os planos hehehe e um dia antes uma amiga me mandou mensagem perguntando do anel (detalhe: ela não sabia). Ele quis morrer! Achou que iria estragar a surpresa… Ai ele fez uma reserva em um restaurante (o que achei beeeem estranho na hora. Sempre fomos de saídas inusitadas… nada muito planejado em viagens) e disse que queria muito ir e etc. Quando chegamos só a nossa mesa estava arrumada, cheia de flores! Achei que era coisa do restaurante por causa da reserva.. e o nosso objetivo era ver o pôr do sol (como eu tinha torcido o meu tornozelo não rolou pedido no pôr do sol nas dunas – mais um que estraguei né hehehe)… é uma das vistas mais bonitas de lá, mas estava vazio por causa das dunas, que fazem mais sucesso hehehe. Ai pedi o cardápio para ver um drink e ele disse para pedirmos um champagne… nessa hora eu estranhei muuuito! Não somos de pedir champagne… sempre fomos mais de drinks. Mas ai papo vai, papo vem… até chegar o sushi não teve nada… ai desapeguei. Ele levantou do nada e disse que iria ao banheiro, ai eu bem tranquila, já sem desconfiar… quando ele voltou disse que tinha alguma coisa no chão… era uma concha que havíamos comprado no primeiro dia. Como eu sou distraída e costumo colocar tudo na bolsa, meu primeiro pensamento foi  “que vacilo! Peguei isso sem ver e quase deixei cair!”.. ele pediu para eu balança e ver o que tinha dentro… o anel!! Foi muito bacana. Depois ele me disse um monte de coisas lindas… se declarou mesmo! Nem tenho foto minha de tão inchada que fiquei. Chorei demais. E fiquei sabendo que 2 meses antes ele tinha conversado com os meus pais! Nossa. Como eles conseguiram guardar segredo? Foi muito marcante tudo isso.

 

O grande dia

Queríamos um lugar fora de BH, que fugisse do tradicional e principalmente, que não tivesse limite de tempo para a festa! Foi muito difícil encontrar, mas assim que fizemos a visita foi amor à primeira vista. O lugar é incrível!

O que é essencial?

“Um bom cerimonial é fundamental! Nos ajudou muito durante o contato e as negociações com os fornecedores. A Ju foi nosso braço direito em tudo, nos melhores e piores momentos. Ela quem segurava a onda e dava ótimas soluções, sem falar no apoio durante o evento. E lógico, ela abraçou a causa de um casamento nada tradicional!”

Perregues? Tem também.

“Para mim foram algumas negociações com fornecedores. Tivemos alguns “perrengues”, mas a Ju, do cerimonial, interviu em tudo… Ajudou a deixar tudo mais leve. Também achei definir a lista e prever o número real de convidados um grande desafio. Recomendo que todos os noivos e familiares alinhem isso juntos, pensando sempre com os pés no chão e dentro da realidade do evento! Ficou bem mais fácil com o apoio de todos.”

 

Maior emoção do grande dia.

“Como diria o meu marido:  ver todas as pessoas que me amamos, de grupos e famílias mais diferentes, em um lugar só. É muito difícil isso acontecer no dia a dia, foi como mostrar uma parte nossa que algumas pessoas não conheciam.”

Momento mais lindo do grande dia.

“Sem dúvidas foi a nossa cerimônia, celebrada por nossos pais e amigos. Foi incrível a fala de cada um e nossos votos também. Foi tudo muito real e emocionante! Não queríamos um desconhecido, que não entende metade do que nossa vida juntos é.”

 

Anúncios